Sapatos Masculinos... Do casual esporte ao passeio completo.


 Mocassim - Derby 

Saiba como usá-los em diferentes ocasiões. 

Foi-se o tempo em que só mulheres se preocupavam com os sapatos que faria parte de uma combinação, hoje os homens também estão atentos em não errar. 

Apesar de a moda ser democrática e permitir produções arriscadas sempre é bom ter algum cuidado principalmente dependendo do local, da hora e do evento que se vá. Existem muitos tipos de calçados masculinos. O tênis hoje em alta houve tempo que só deviam ser usados fora do trabalho, ou trabalho que permitiam o seu uso, é o caso dos publicitários. 

Existem alguns tipos de sapatos que nunca saíram da moda como: O Oxford modelo que surgiu na Universidade de Oxford na Inglaterra, de amarrar e com bico arredondado, é possível encontrá-lo em diversas versões. É mais formal e chique para quem usa com terno e gravata. Perfeitos para eventos noturnos. Eles podem ser usados no dia-a-dia com roupas  mais casuais. 

O Mocassim  é prático sem amarrações. Existem opções com ou sem pingentes para versões formais. Feito em camurça o calçado é clássico, versátil e deve ser usado sem meia ou meia invisível e combinam com jeans, bermudas, roupas  leves mais esportivas. No outono inverno pode ser usado com calças clássicas. 


Sapatênis é considerado um hibrido mistura entre tênis e sapato, combinando com estilo mais casual, jeans, camiseta, camisa e bermuda. Evite usar com roupa alfaiataria. 


 

Top Sider o sapato era hit dos anos 80 e está de volta em versões feitas em couro ou moletom. Foi criado em 1935 pelo velejador Paul Sperry  tem como inspiração o universo náutico. É parecido com o mocassim a diferença é que ele tem cadarço. 



Chukka Boot foi feito para os campos de polo hoje pode ser combinado com tudo. Confeccionado com couro encorpado tem meio cano e cadarço. Pode ser usado com jeans e ate mesmo alfaiataria. 



Boat Schoes  é uma versão abotinada do Top Sider  feito de solado branco e pode ser usado em barcos ou eventos casuais. 



Broguê traz furinhos porque foi desenvolvido para caçadores de patos na Escócia, quando caçavam o sapato enchia de água e as aberturas eram responsáveis pela drenagem. No momento ganha releituras que variam entre o clássico e o casual, feito de couro pode ser usado em ocasiões formais.  



Derby ele é o tradicional sapato social para se usar com terno e são encontrados também em versões casuais. 

Curiosidades: 

  • A principal dica é que os sapatos formais se adaptam também a todo o visual informal: Você vai trabalhar com Oxford ou Broguê e pode ir com ele a qualquer evento. 
  • Outra dica não use o mesmo sapato todos os dias, todo e qualquer sapato precisa descansar.  
  • Cores ideais, preto, marrom e caqui. 
  • Na combinação clássica a meia deve ser no mesmo tom do sapato. 
  • Mantenha limpos os sapatos sempre com cara de novo e guarde os calçados em lugares secos e arejados. 
  • Para limpar use um pano úmido com um pouco de vinagre. 

Luxo

 

Quadro de Tarsila do Amaral - Fotos de Lamborguini

A palavra “luxo” evoca toda espécie de confortos e prazeres, apesar de seu sentido estar um pouco enfraquecido, desde que vem sendo indiscriminadamente aplicada a tudo. 

Pode ser interpretada como significando supérfluo, caro, fino, extravagante, de qualquer maneira é uma palavra que acaricia tanto os ouvidos quanto a imaginação, e neste sentido é, portanto completamente subjetiva. Cada um tem sua própria ideia de luxo como cada um tem sua própria ideia de felicidade, desde alguém, de menor poder aquisitivo, aquecendo-se num cobertor, a um colecionador de arte deleitando-se na compra de um quadro de Picasso. Talvez a ideia de “luxo” venha basicamente da comparação entre o padrão de vida mínimo de um grupo e o de outro. 



O “luxo” muitas vezes esta na simplicidade de saborear a bolacha predileta, apreciar as flores e a natureza, ou simplesmente em época de pandemia tomar um café compartilhando com os amigos ou encontrar seus familiares com saúde.  



Nós nos acostumamos ao luxo ou pelo menos à nossa ideia de luxo, muito mais depressa que sua ausência. As grandes indústrias que dependem de nossos desejos de luxo, cultivam cuidadosamente esses desejos com anúncios destinado a convencer grupos cada vez maiores de consumidores que tem poder aquisitivo para possuir coisas de luxo. Como um bom carro, o melhor celular, roupas ou acessórios de grife, cremes ou cosméticos de marca. Em verdade sem anúncios e sem publicidades (marketing) a ideia de luxo perderia muito o seu encanto. 

Em relação à elegância, quanto maior o luxo mais discreto é, atinge-se o ponto máximo do luxo que é imperceptível para muitos exceto a própria pessoa.  


BOTAS- Hits do Inverno



BOTAS
Hits do Inverno


Nesse inverno conheça e aprenda a usar as botas de cano baixo, médio, alto e super longo que prometem virar Hits da temporada. 

Durante muitos anos, praticamente não se usou botas a não ser para pescar e andar a cavalo. Depois que Coco Chanel começou a usar botas no inverno para atravessar a rua de seu apartamento no Ritz Hotel em Paris até seu salão de costura na Rua Cambon, as botas entraram na moda. Agora mal acaba o verão elas aparecem em todas as vitrines de outono inverno. 

As botas aquecem os pés, podem ser de vários estilos, de amarrar, com zíper ou não. É um acessório versátil para os dias frios, circulam de dia e se o salto for mais alto também podem enfrentar a noite, lembrar que combinam com o traje esporte e esporte fino. 

São praticas para o uso na rua no inverno, com neve e muita chuva, mas não são elegantes numa sala aquecida. Pratica para acompanhar um conjunto esportivo ou viagem, mas nunca um traje mais formal habilee-passeio completo. 

No campo botas curtas são muito elegantes usadas com calças compridas e no outono, inverno o chão coberto de neve ou de folhas secas avermelhadas botas de borrachas são chiques e servem para um dia chuvoso também. 

Mas, não são muitas as pernas femininas que ficam bem de botas! Para que a bota fique bem é preciso que a perna seja longa e fina e bem torneada. Uma bota de salto alto é mais feminina do que uma bota de salto baixo. Qualquer bota tende a diminuir a silhueta quando usada com uma saia e casaquinho ou casacos três quartos, a não ser a bota bem alta que não deixe nenhum espaço entre a parte superior da bota e a bainha da saia. As botas ficam melhores com casacos sete oitavo. 


Lembrar que é muito prático para quem mora no campo ou sob um clima gelado, botas são em geral um acessório esportivo, usado por colegiais, trabalhadores rurais, montaria,  em rodeios, indispensável para quem trabalho em lugares que necessitam de segurança nos pés, normalmente as chamadas bico de ferro.   


Curiosidade:  
  • Cano médio – disfarçam pernas finas ou tornozelos grossos. Use-as com saias longas e calças compridas. 
  • Cano longo – Riding boot - pode achatar a silhueta e acentuar os contornos das baixinhas de pernas grossas. Pode ser usada com saia ou vestido de qualquer comprimento e com calças de boca larga. Para um look mais diferenciado pode optar por saias ou vestidos plissados. 
  • Cano baixo – a altura não passa do tornozelo, para quem tem pernas perfeitamente proporcionais pode ser usadas com calças compridas e saias. 
  • Acima do joelho – Overboot - podem parecer vulgar, como criar um ar de mulher superpoderosa. Para o resultado acabar elegante é fundamental quem usa essas botas tenha pernas finas e estilo descontraído, recomendadas para mulheres altas e magras, pode deixar um pouco da perna a mostra, muito usado com saias mais curtas