ESTILO INVERNO - Boinas e Gorros...



Algumas pessoas usam um tipo de peça que marcam a sua imagem. Temos exemplos de personalidades conhecidas no mundo como “Che Guevara” e o artista Pablo Picasso que sempre em todas as aparições estavam usando uma boina.


A boina é um subtipo do boné, geralmente feito de lã, feltro ou fibras acrílicas, e sem aba, com a função de proteger.
Originária dos povos Celtas, a boina teve seu primeiro uso militar pelos Caçadores Alpinos da França, em 1889, em cor azul escura (século 17).


Na 1ª Guerra Mundial seu uso foi tímido. Mas, entre as duas guerras mundiais em 1936, a Guerra Civil Espanhola, iniciou sua popularização militar com os, “boinas vermelhas” que lutaram nos anos 40 ao lado da Alemanha nazista, no front oriental contra a União Soviética.
Alguns historiadores associam a origem das boinas militares aos escoceses e bascos. Para outros, o chapéu ajustável de tecido macio não é considerado boina.
No Brasil, na região sul durante o inverno a boina é usada por homens e mulheres.
No momento, a boina retorna às ruas com aval de grandes estilistas como Alessandro Michele, da Gucci e Maria Grazia Chiure, da Dior.


Uma versão da boina é o GORRO, de formato redondo, sem abas cobre as orelhas usado por crianças, idosos, homens e mulheres para proteger do frio.
Pode ser de lã, malha, tricô ou crochê e até de peles ou couro.



Existem variações nos gorros: alguns amarrados em baixo do queijo, outros chamados balaclavas cobrem o rosto e o pescoço usado por alpinistas, esquiadores, motociclistas e até assaltantes.
Curiosidade: Diz à lenda que Noé quando navegava na arca durante os dias frios e com tempestades transformou, cortando em círculos a lá das ovelhas num gorro para aquecer.
Madonna também usou no seu show em 2003 uma boina para incrementar a sua imagem.


DETALHES QUE FAZEM A DIFERENÇA 2021!



MAQUIAGEM
Observe onde você trabalha, analise o perfil da empresa e a sua função no ambiente de trabalho. Órgãos governamentais, estatais, hospitais, bancos, laboratórios, escritórios, a maquiagem deve ser a mais leve e natural possível, afinal você vai atender um publico diferenciado e sua aparência demostra sua elegância e postura.

Opte por batons mais claros, cor da boca, nudez ou similares. Sombra e delineador ou lápis discretos.

A maquiagem mais carregada é adequada para ocasiões que você vai usar o gênero de roupa, passeio completo, rigor ou gala, isso quer dizer em festas e recepções.

Sua maquiagem deve combinar com o tipo de festa e a ocasião. Mesmo com maquiagem leve use uma base do tom da sua pele para corrigir imperfeições e deixar a sua pele com aparecia impecável e linda.


Dicas:
* Mesmo na moda batons com cores fortes, caso goste lembre-se de marcar apenas um ponto: boca vermelha, olhos pintura leve, rímel, delineador e sombra de cor pastel.
* Olhos marcados, pintura caprichada, cílios postiços: boca batom claro, cor nude ou tom similares.
* Lábios grandes e grossos o indicado é o batom nude, salientar mais a pintura nos olhos
* Respeitando o nosso trabalho e o publico devemos sempre ter uma aparência saudável. Mesmo que não goste de maquiagem, usar um brilho nos lábios e um rímel nos olhos fica mais bonito que um rosto limpo e lavado. 


Maquiar todos os pontos ao mesmo tempo pode deixar uma aparência carregada. 

A regra é: o slogan muito usado... O menos é mais!... Preferível menos que mais

CASUAL, SUPER ELEGANTES, PARA USAR NO TRABALHO E EM EM OCASIOES INFORMAIS


 Tirar o look esportivo do lugar comum. Fáceis de usar e que ficam super chiques com um toque de sofisticação.
1 – Saia preta reta, evasê de qualquer modelo com casaco branco.



2 – Top de renda ou seda compondo com calça pantalona ou pantacurt 
 


3 – vestido reto clássico


4 – blusa ou camisa de seda com uma calça coringa ou caso opte por jeans o pratico jeans clássico



5 – saia envelope de qualquer tecido com top de seda


Selecionei algumas tendências que rendem looks fora do comum e para você ficar elegante sem muito esforço com soluções acessíveis. 

Invista nos acessórios!