Botas, o clean chic



Usada nos princípios do século 20, caiu em desuso por um tempo, e mais tarde foi realçada por André Courreges – um importante design que revolucionou a moda nos anos 60 utilizando cores variadas e abotoamentos.

Muito prática especialmente no inverno, as botas de cano alto, médio ou curto estão sempre em tendência. Ter um black boot no guarda-roupa é essencial e, muitas vezes, equilibra a composição do look. Os modelos são variados com saltos de diferentes tamanhos e espessuras e solados de diferentes materiais.



O estilo chelsea já foi apreciado nos moldes dos anos 60 com elástico na lateral. No momento volta repaginado com novas cores e texturas.


Bota montaria e a chelsea estão muito cotadas e dá para ter as duas em uma só. Ao tirar o cano encaixado de montaria, torna-se um modelo chelsea ficando mais despojada. As duas podem ser usadas com produções casuais e gênero esporte, com shorts, vestidos simples, skinnies, etc.


As botas de cano alto são elegantes, ficam bem com peças de couro, saias rodadas, calças cropped. As western girl, botas com detalhes fortes, como fivelas, tachas e franjas devem ser usadas atentando-se para a produção total do look, pois a combinação pede moderação e tons sóbrios no vestuário.

Lembre-se que a moda muda conforme as tendências. Portanto, as botas podem apresentar surpresas no seu uso.

Algumas regras básicas:

1. Ao usar botas observe sempre o local do evento e o gênero da roupa: Esporte, Esporte Fino e Passeio.

2. Lembre-se que caem bem com roupas de inverno e meia estação: lãs, peles, casacos, capas, capas de chuva.

3. Quando usada à noite deve ser clássica sempre em eventos informais e casuais.

4. As botas são adequadas para eventos esportivos e casuais como rodeios, churrascos, festas no campo ou fazenda.


5. A bota branca não é aconselhável pois a cor dá volume e aumenta o tamanho da perna e pé. Muitos estilistas avaliam que seu uso é brega, apenas usado para espetáculos artísticos.

6. Não se usa botas em solenidades (formaturas, posses, casamentos), pois não são indicadas para o gênero Passeio Completo ou Rigor. Use o bom senso.

7. Cano longo achata a silhueta. Pessoas de baixa estatura devem evitá-la.


8. Acima do joelho apenas para os altos e magros, com pernas finas. 




9. Botas de cano médio exigem pernas finas que apresentem uma folga entre a perna e a bota. Pessoas de panturrilha grossa devem evitá-la. Procure o equilíbrio quanto menor a estatura mais curta a saia. Proibido misturar cano médio com saias mídi, a não ser que a pessoa seja do tipo físico longilíneo.


10. Pode apostar nos modelos tipo “coturno light”, são as mais versáteis para o dia a dia.

Seguindo estas dicas você não vai errar, saiba mais lendo o meu livro " Viver com Elegância Não é Difícil" ou fazendo um dos meus cursos de etiqueta.